Morre Fast Eddie Clarke, ex-guitarrista do Motörhead e Fastway

Aos 67 anos, músico nos deixa após batalha contra a pneumonia

"Lemmy" Kilmister, "Philthy Animal" Taylor e "Fast" Eddie Clarke | Foto: reprodução
"Lemmy" Kilmister, "Philthy Animal" Taylor e "Fast" Eddie Clarke | Foto: reprodução

“Fast” Eddie Clarke, ex-guitarrista do Motörhead e Fastway, faleceu ontem, 10 de janeiro, aos 67 anos, após uma batalha contra a pneumonia.

Clarke integrou o Motörhead entre os anos de 1976 e 1982. Ele era o único membro sobrevivente daquela formação, após a perda do baterista Philthy “Animal” Taylor, que morreu em novembro de 2015 de insuficiência hepática, e Ian “Lemmy” Kilmister sucumbiu ao câncer no mês seguinte.

Clarke, Taylor e Lemmy fizeram, juntos, cinco álbuns, “Motörhead” (1977), “Overkill” (1979), “Bomber” (1979), “Ace Of Spades” (1980) e “Iron Fist” (1982).

“Estamos devastados por transmitir a notícia que acabamos de nos ouvir mais cedo esta noite … Edward Allan Clarke – ou Fast Eddie Clarke, como todos o conhecemos e amamos – morreu pacificamente ontem”, anunciou a página oficial do Motörhead. Ted Carroll (que formou Chiswick Records) fez o triste anúncio, tendo ouvido de Doug Smith que Fast Eddie morreu pacificamente no hospital onde ele estava sendo tratado por pneumonia.”

Phil Campbell, guitarrista da Motörhead, disse: “Acabei de ouvir a triste notícia de que o Eddie Clarke faleceu. Que choque! Ele será lembrado por seus riffs icônicos e foi um verdadeiro rock ‘n’ roller. RIP Eddie.”

O baterista Mikkey Dee, também integrante da última formação do Motörhead e atualmente no Scorpions, acrescentou: “Esta é uma notícia terrível, o último dos ‘três amigos’. Eu vi Eddie há pouco tempo e ele estava em grande forma. Então, isso é um choque completo. Sempre nos demos muito bem. Eu estava ansioso para vê-lo no Reino Unido, neste verão, quando nós chegássemos com o Scorpions… Agora Lem e Philthy podem tocar com Eddie novamente e, se você prestar bastante atenção, tenho certeza que irá ouví-los. Fique atento! Meus pêsames vão para a família de Eddie e para os próximos.”

Clarke deixou o Motörhead em 1982 durante uma turnê nos Estados Unidos, sendo substituído pelo guitarrista Brian Robertson, do Thin Lizzy. No ano seguinte formou, ao lado baixista Pete Way (UFO), o Fastway, e lançou álbuns de sucesso. No Brasil, o álbum de estreia em 1983, autointitulado, embalou o hit ‘Say What You Will’, trilha sonora de abertura da série “Armação Ilimitada“, que foi ao ar pela Rede Globo entre 1985 e 1988.

"Fast" Eddie Clarke | Foto: Fin Costello
"Fast" Eddie Clarke | Foto: Fin Costello

Últimas notícias

SIGA O ROCKARAMA

36,230FãsCurtir
389SeguidoresSeguir
219SeguidoresSeguir

Leia também

Comentários

comentários