Joe Lynn Turner sofre ataque do coração

Cantor sofreu infarto do miocárdio e, segundo últimos relatos, sua condição é estável

Aos 66 anos de idade, Joe Lynn Turner segue sua carreira musical, tanto solo quanto em participações | Foto: divulgação
Aos 66 anos de idade, Joe Lynn Turner segue sua carreira musical, tanto solo quanto em participações | Foto: divulgação

Joe Lynn Turner, ex-vocalista do Rainbow, Deep Purple e muitos outros, foi hospitalizado na noite de ontem na Bielorrússia “com problemas cardíacos”, segundo confirmou seu amigo Graham Bonnet, que também foi frontman da banda de Ritchie Blackmore.

A hospitalização de Joe Lynn Turner foi relatada pela primeira vez pela Agência Estatal Russa de Notícias, RIA Novosti, que veiculou pelo serviço de imprensa do Ministério da Saúde da Bielorrússia que a condição do cantor era “estável” depois que ele foi tratado em uma instalação de Minsk por “infarto do miocárdio”, comumente conhecido como um ataque cardíaco.

De acordo com a agência de notícias russa TASS, uma porta-voz do Ministério da Saúde da Bielorrússia disse que Joe Lynn Turner foi transportado de ambulância para o hospital e que continuará a receber tratamento na instalação.

Mais cedo, Graham Bonnet confirmou os relatos, postando uma foto do Facebook dele com Joe e escrevendo em uma legenda: “Meu amigo Joe foi hospitalizado em Minsk com um problema cardíaco na noite passada e eu, Beth-Ami e o resto da Graham Bonnet Band, lhe desejamos uma recuperação completa e rápida. Nós amamos você, Joe.”

Joe Lynn Turner foi o vocalista do Rainbow entre 1980 e 1984 e cantou no álbum “Difficult To Cure”, que contou com o single mais bem sucedido da banda no Reino Unido, ‘I Surrender’. Durante o tempo de Turner como frontman, o Rainbow seu primeiro grande sucesso nos EUA.

Em 1989, Turner se reuniu com o líder do Rainbow, o guitarrista Ritchie Blackmore, para uma nova versão do Deep Purple, conhecida como Mark V, que ainda tinha Roger Glover (baixo), Jon Lord (teclado) e Ian Paice (bateria). Juntos, gravaram e lançaram o álbum “Slaves and Masters” (1990).

Além dessas empreitadas musicais, Joe Lynn Turner tem uma carreira solo de sucesso, além de ter integrado bandas como Fandango, Yngwie Malmsteen’s Rising Force, Brazen Abbot, Hughes Turner Project e muitos outros.

Banner DreamHost

Últimas notícias

SIGA O ROCKARAMA

36,588FãsCurtir
401SeguidoresSeguir
240SeguidoresSeguir

Leia também

Comentários

comentários