Vídeo: Ghost faz primeira apresentação com Cardinal Copia

Cardinal Copia sobe ao palco pela primeira vez, em acústico da banda

Cardinal Copia, o novo Papa do Ghost | Foto: reprodução
Cardinal Copia, o novo Papa do Ghost | Foto: reprodução

O Ghost fez um pequeno set acústico em um evento privado em Chicago (EUA) na noite de sexta-feira, 6 de abril, como prévia do próximo álbum da banda. Esta foi a primeira vez que Cardinal Copia foi apresentado no palco, após o video que mostrou o sucessor de Papa Emeritus III.

A performance de três músicas incluiu o primeiro single do disco, ‘Rats’, música que deverá ser disponibilizada oficialmente pela banda até o final deste mês.

Cardinal Copia, o novo Papa do Ghost, aparentemente não faz parte da linhagem Papa Emeritus, ostenta um bigode fino e tem heterocromia iridum, uma condição em que as íris dos olhos têm cores diferentes.

O último Papa, Papa Emeritus III, foi tirado à força do palco durante o último show da turnê “Meliora” no ano passado, com Papa Emeritus Zero entrando em cena e anunciando o início da “Idade Média”. Claro, todos os papas, exceto o mais velho, Zero, são o mesmo homem, Tobias Forge, vocalista e fundador do Ghost.

O novo alter ego de Forge fará sua estréia ao vivo em 5 de maio, quando a banda sueca inicia uma série de shows na América do Norte em Riverside, Califórnia.

Batizada como “Rats On The Road”, a turnê promove o quarto álbum da banda, que deve ser lançado em junho pela Loma Vista Recordings. O material foi gravado no ano passado nos estúdios Artery, em Estocolmo (SUE), ao lado do produtor Tom Dalgety, e foi mixado em janeiro no Westlake Studios, em West Hollywood, Califórnia, pelo lendário Andy Wallace. Algumas das músicas que integrarão o álbum são ‘Rats’, ‘Life Eternal’, ‘Faith’ e ‘Dance Macabre’.

“Ele é vagamente temático em torno do conceito de morte e destruição”, revelou Tobias Forge sobre o novo trabalho ao Revolver. “É um álbum temático em torno dos tempos medievais, mas está definitivamente apegado a muitas coisas atuais. A Peste Negra é uma grande exemplo de um ponto de inflexão para toda uma civilização. Vilas foram totalmente aniquiladas. A maioria das pessoas sabia muito pouco, então tudo era Deus ou o Diabo, e tudo em torno do questionamento da fé delas: ‘Por que estamos sendo atingidos por este grande flagelo? Deve ser por não temermos a Deus o suficiente’, e toda essa besteira supersticiosa.”

“Muito disso pode ser visto hoje em comportamentos online”, continuou ele. “Demos alguns passos atrás em muitas maneiras e agora as coisas estão mais próximas de como eram antigamente, quando as pessoas estavam na praça e, de repente, era como em ‘A Vida de Brian’, do Monty Python: ‘Apredenjem-no! Ra! Ra! Ra!’. Os julgamentos públicos são muito pouco supervisionados e extremamente rápidos, conectados com as partes mais primordiais em nós.”

Em uma entrevista para a Metal Hammer, Forge falou sobre a direção musical do novo álbum do Ghost: “É um álbum que soa com muito brilho e muito pesado, eu diria. Mas não no ponto de vista da Metal Hammer, que deve ser metal atrás de metal. Mas é um disco pesado, com um tema carregado. Eu acho que o ambiente geral é muito sério.”

“Tecnicamente, uma música do Ghost pode ser apenas piano e voz, mas também um hard rock pesado e rasgado”, acrescentou ele. “Longe de mim querer me comparar a eles, mas acho que nosso modus operandi é um pouco parecido com o que o Queen fazia: apenas decidimos tocar músicas realmente boas e não focar muito em seguir uma receita.”

Tobias Forge teve a sua identidade relevada no ano passado, ao responder a uma ação movida por quatro ex-membros do Ghost, que o acusaram de enganá-los por suas partes legítima dos lucros nos álbuns e turnês mundiais.

Veja, abaixo, o vídeo que apresentou Cardinal Copia aos fãs:

Banner DreamHost

Últimas notícias

SIGA O ROCKARAMA

33,630FãsCurtir
9,268SeguidoresSeguir
440SeguidoresSeguir

Leia também

Comentários

comentários