Banda formada pelo fundador, baixista e principal compositor do Iron Maiden desembarca no país em novembro para shows dia 09 no Rio de Janeiro, dia 10 em São Paulo e dia 13 em Porto Alegre

British Lion | Foto: divulgação
British Lion | Foto: divulgação

O projeto British Lion é a uma empreitada do inglês Steve Harris, lendário idealizador, fundador, baixista, principal compositor, tecladista e co-produtor de uma das maiores banda de heavy metal da história, o Iron Maiden. E no próximo mês de novembro será a vez do publico brasileiro vê-los de perto.

Lançado em 2012 com um álbum que esteve nas paradas em vários países, o grupo está realizando este ano sua primeira turnê mundial fora do continente europeu e será visto em três apresentações no país. Estarão no Rio de Janeiro/RJ, em 9 de novembro, no Circo Voador, dia 10 de novembro em São Paulo/SP, no Cine Jóia, e dia 13 de novembro em Porto Alegre/RS, no Bar Opinião.

Enquanto se apresenta nesta turnê internacional, o British Lion prepara o seu segundo álbum de estúdio, previsto para ser lançado mundialmente ainda este ano. A banda é formada por Steve Harris no baixo, Richard Taylor no vocal, David Hawkins na guitarra e teclado, Grahame Leslie na guitarra e Simon Dawson na bateria.

“Uma banda confiante e incendiária, que traz à mente o hard rock clássico do UFO a Thin Lizzy e Uriah Heep, mas que têm um frescor que pertence à era moderna” declarou a revista inglesa Metal Hammer sobre as primeiras apresentações do grupo na Inglaterra.

Os ingressos para as apresentações brasileiras do British Lion estarão disponíveis a partir de 4 de junho.

Sobre o British Lion

Fundador do Iron Maiden, um dos maiores ícones do metal em todo o mundo, parecia que Steve Harris já havia conseguido tudo que poderia sonhar com a super banda que gravou 16 álbuns de estúdio e vendeu mais de 90 milhões de cópias em todo o mundo. Mas eis que surge o primeiro projeto solo/paralelo do músico. Desenvolvido sob circunstâncias super secretas entre turnês, ele foi motivado, segundo o próprio artista, pelo talento bruto dos músicos envolvidos.

“Levou anos para que isso acontecesse”, diz Steve Harris. “Originalmente o vocalista Richard Taylor e o guitarrista Grahame Leslie me enviaram uma fita – isso deve mostrar a você há quanto tempo aconteceu. Fiquei impressionado e decidi ajudá-los um pouco e foi a partir daí que a coisa foi tomando forma. Eu achei que as músicas eram tão impactantes que seria um crime se elas não vissem a luz do dia.”

Então, depois de alguns anos trabalhando em mais faixas com Richard Taylor e também com o guitarrista David Hawkins, Steve passou para a próxima fase, a mixagem do álbum. “É muito diferente, mas existem alguns elementos do Maiden lá. Mas não que eu tenha me preocupado muito com o que as pessoas pensam”, afirma ele.

Com sonoridade pesada, o British Lion apresenta uma paleta completa de sons: meditativo, melancólico, justamente indignado e exuberantemente pesado. As músicas carregam o estilo inimitável de Harris, mas infundidas com uma química totalmente diferente, um mundo à parte do Maiden. Um novo projeto, mas com uma alma concebida anos atrás, com a atitude dos anos 70, recriada com uma borda moderna.

Quanto ao nome do álbum “British Lion”, Steve explica: “Isso representou muitas coisas para mim. Eu sempre fui patriota. Eu sempre tive orgulho de ser britânico – não vejo nenhum motivo para não ser. É uma parte enorme do meu ser. Não é como se eu estivesse agitando a bandeira ou tentando pregar, isso não é uma declaração política. É como apoiar seu time de futebol, de onde você é. Eu acho que se presta a algumas imagens muito fortes também, e para mim isso se encaixa com o som.”

“Com o Maiden, sempre fizemos o que parece certo e isso não é exceção”, continua o baixista. “Mas quanto ao som de British Lion, é natural que pareça diferente de tudo o que fiz antes, já que trabalhei com músicos diferentes. Eu acho que vai surpreender muita gente e estou muito animado.”

Depois de uma série de shows ao vivo em clubes e festivais por todo o Reino Unido e em alguns países da Europa desde o lançamento do álbum de estréia, a banda está atualmente trabalhando no segundo álbum de estúdio, que ainda não tem nome, mas será lançado ainda este ano, enquanto a banda embarca pela primeira vez numa turnê fora do continente.

Fãs brasileiros reencontrarão Steve Harris, mas pela primeira vez ao lado do British Lion | Foto: divulgação
Fãs brasileiros reencontrarão Steve Harris, mas pela primeira vez ao lado do British Lion | Foto: divulgação

Serviço British Lion no Brasil:

British Lion no Rio de Janeiro/RJ
Data: 09/11/2018
Local: Circo Voador – R. dos Arcos, s/n – Lapa, Rio de Janeiro/RJ
Horário: A confirmar
Preços:
Pista: R$ 320,00
Pista meia-entrada: R$ 160,00

British Lion em São Paulo/SP
Data: 10/11/2018
Local: Cine Jóia – Praça Carlos Gomes, 82 – Sé, São Paulo/SP
Horário: A confirmar
Preços:
Pista: R$ 220,00
Pista meia-entrada: R$ 110,00

British Lion em Porto Alegre/RS
Data: 13/11/2018
Local: Bar Opinião – R. José do Patrocínio, 834 – Cidade Baixa, Porto Alegre/RS
Horário: A confirmar
Preços:
Pista: R$ 200,00
Pista meia-entrada: R$ 100,00
Pista (solidário): R$ 110,00

The Secret Society 300

Últimas notícias

SIGA O ROCKARAMA

35,301FãsCurtir
10,168SeguidoresSeguir
461SeguidoresSeguir

Leia também

Comentários

comentários