Adeus, Google URL Shortener

Usuários novos e anônimos não poderão criar links por meio do console goo.gl a partir de 13 de abril

Google URL Shortener, iniciado em 2009, será totalmente descontinuado em 30 de março de 2019
Google URL Shortener, iniciado em 2009, será totalmente descontinuado em 30 de março de 2019

O Google anunciou que está encerrando o serviço de encurtamento de URL, o Google URL Shortener ou goo.gl. Desde 30 de março um aviso já está estampado na página inicial do encurtador, explicando o que acontecerá no período de um ano, quando será descontinuado de vez.

A empresa diz que os usuários novos e anônimos não poderão criar links por meio do console goo.gl a partir de 13 de abril, mas os usuários existentes poderão usá-los por mais um ano, após o qual será completamente interrompido.

O engenheiro de software da Firebase, Michael Hermanto, diz que a empresa introduziu o encurtador de URL em 2009 e que, desde então, as formas pelas quais as pessoas compartilham informações na web mudaram, enquanto encurtadores de URL adicionais cresceram em popularidade.

Ele observa que o Google está focalizando seus esforços para substituir o Google URL Shortener pelo Firebase Dynamic Links (FDL), que permite aos usuários redirecionar para locais específicos em aplicativos iOS, Android ou da web.

Os usuários existentes do Google URL Shortener poderão visualizar dados de análise e fazer o download das informações do link curto no formato csv até 30 de março de 2019. Depois disso, os links encurtados continuarão a redirecionar para seus destinos, mas não serão migrados para o novo console do Firebase.

Sioux 66 banner

Últimas notícias

SIGA O ROCKARAMA

34,384FãsCurtir
9,631SeguidoresSeguir
459SeguidoresSeguir

Leia também

Comentários

comentários