Nevermore: saiba de todos os detalhes de “The Complete Collection”

Concebido como uma celebração do 30º aniversário do Nevermore, coleção ganhou sabor amargo após a morte de Warrel Dane

Jim Sheppard, Warrel Dane, Jeff Loomis e Van Williams, a formação clássica do Nevermore | Foto: Stephanie Cabral
Jim Sheppard, Warrel Dane, Jeff Loomis e Van Williams, a formação clássica do Nevermore | Foto: Stephanie Cabral

A Century Media Records lançará em 9 de março “The Complete Collection”, do Nevermore, um impressionante conjunto de 12 CDs, incluindo todos os álbuns de estúdio, o ao vivo “Year Of The Voyager” e um disco dedicado apenas às raridades.

O material, que será limitado a 2.000 cópias, também inclui um certificado de colecionador numerado, encarte de 80 páginas (com letras, fotos, notas de linha), além de um pôster da banda como o álbum “This Godless Endeavor” (2005). O guitarrista Jeff Loomis e o baterista Van Williams estiveram envolvidos neste projeto desde outubro de 2017, com Williams também criando a arte.

Originalmente, “The Complete Collection” deveria ter como propósito celebrar o 30º aniversário de uma das maiores bandas da Century Media. Mas, infelizmente, acabou ganhando outra conotação, de celebração para algo amargo, sendo este o primeiro lançamento desde a morte do vocalista Warrel Dane, ocorrida a 13 de dezembro do ano passado em São Paulo, aqui no Brasil, aos 56 anos de idade.

A notícia foi um choque não apenas para sua família, fãs, amigos e outros músicos, mas também para muitos funcionários atuais e antigos da Century Media, que trabalhavam com ele desde o início dos anos 90. Naquele ponto, entretanto, nada pôde ser feito para mudar “The Complete Collection”, uma vez que todas as partes, exceto o encarte, já estavam em produção.

Formado em Seattle (EUA) em 1992 pelas cinzas do Sanctuary, o Nevermore desenvolveu-se rapidamente em uma das bandas de metal mais reverenciadas da época, representando uma contrapartida para a onda grunge, que tomava conta do mundo do rock. Combinando o peso do tradicional thrash americano com elementos progressivos, bem como as melodias sombrias e a gama vocal impressionante e emocionalmente de Warrel Dane. Álbuns como “Dreaming Neon Black” (1999), “Dead Heart In A Dead World” (2000) e “This Godless Endeavour”, são alguns dos grandes feitos da banda

Em abril de 2011, o Nevermore se separou alegando diferenças entre as partes Loomis e Williams e Dane e o baixista Jim Sheppard. O vocalista, mais tarde, descreveu a situação como “a maior banda que o álcool já arruinou”.

Tópico relacionado:
– Warrel Dane morre aos 56 anos

"The Complete Collection", do Nevermore
"The Complete Collection", do Nevermore

Confira a lista integral de “The Complete Collection”, do Nevermore:

Disco 1: Nevermore (1995)
01. What Tomorrow Knows
02. C.B.F.
03. The Sanity Assassin
04. Garden Of Gray
05. Sea Of Possibilities
06. The Hurting Words
07. Timothy Leary
08. Godmoney

Faixas bônus
09. The System’s Failing
10. The Dreaming Mind (Demo 1992)
11. World Unborn (Demo 1992)
12. Chances Three (Demo 1992)
13. Utopia (Demo 1992)

Disco 2: In Memory (1996)
01. Optimist Or Pessimist
02. Matricide
03. In Memory
04. Silent Hedges/Double Dare (BAUHAUS cover)
05. The Sorrowed Man

Faixas bônus
06. The Tiananmen Man (Demo 1996)
07. The Seven Tongues Of God (Demo 1996)
08. Passenger (Demo 1996)
09. This Sacrament (Demo 1996)
10. 42147 (Instrumental Demo 1996)

Disco 3: The Politics Of Ecstasy (1996)
01. The Seven Tongues Of God
02. This Sacrament
03. Next In Line
04. Passenger
05. The Politics Of Ecstasy
06. Lost
07. The Tiananmen Man
08. Precognition
09. 42147
10. The Learning

Disco 4: Dreaming Neon Black (1999)
01. Ophidian
02. Beyond Within
03. The Death Of Passion
04. I Am the Dog
05. Dreaming Neon Black
06. Deconstruction
07. The Fault of the Flesh
08. The Lotus Eaters
09. Poison Godmachine
10. All Play Dead
11. Cenotaph
12. No More Will
13. Forever

Disco 5: Dead Heart In A Dead World (2000)
01. Narcosynthesis
02. We Disintegrate
03. Inside Four Walls
04. Evolution 169
05. The River Dragon Has Come
06. The Heart Collector
07. Engines Of Hate
08. The Sound Of Silence (cover de Simon & Garfunkel)
09. Insignificant
10. Believe In Nothing
11. Dead Heart In A Dead World

Disco 6: Enemies Of Reality (2003)
01. Enemies Of Reality
02. Ambivalent
03. Never Purify
04. Tomorrow Turned Into Yesterday
05. I, Voyager
06. Create The Infinite
07. Who Decides
08. Noumenon

Disco 7: Enemies Of Reality (Remixed & Remastered) (2005)
01. Enemies Of Reality
02. Ambivalent
03. Never Purify
04. Tomorrow Turned Into Yesterday
05. I, Voyager
06. Create The Infinite
07. Who Decides
08. Noumenon
09. Seed Awakening

Disco 8: This Godless Endeavor (2005)
01. Born
02. Final Product
03. My Acid Words
04. Bittersweet Feast
05. Sentient 6
06. Medicated Nation
07. The Holocaust Of Thought
08. Sell My Heart For Stones
09. The Psalm Of Lydia
10. A Future Uncertain
11. This Godless Endeavor

Discos 9 e 10: The Year Of The Voyager (2008)

CD 1
01. Final Product
02. My Acid Words
03. What Tomorrow Knows/Garden Of Grey
04. Next In Line
05. Enemies Of Reality
06. I, Voyager
07. The Politics Of Ecstasy
08. The River Dragon Has Come
09. I Am The Dog
10. Dreaming Neon Black

CD 2:
01. Matricide
02. Dead Heart In A Dead World
03. Inside Four Walls
04. The Learning
05. Sentient 6
06. Narcosynthesis
07. The Heart Collector
08. Born
09. This Godless Endeavor

Disco 11: The Obsidian Conspiracy (2010)
01. The Termination Proclamation
02. Your Poison Throne
03. Moonrise (Through Mirrors Of Death)
04. And The Maiden Spoke
05. Emptiness Unobstructed
06. The Blue Marble and the New Soul
07. Without Morals
08. The Day You Built The Wall
09. She Comes in Colors
10. The Obsidian Conspiracy

Disco 12: Rarities & Demos
01. Temptation (cover do The Tea Party) – gravado durante “The Obsidian Conspiracy”
02. The Purist’s Drug (faixa bônus japonesa para “The Obsidian Conspiracy)
03. Crystal Ship (cover do The Doors) – gravado durante “The Obsidian Conspiracy”
04. All The Cowards Hide (faixa bônus japonesa para “Dead Heart In A Dead World”)
05. Chances Three (faixa bônus japonesa para “Dead Heart In A Dead World”)
06. Love Bites (cover do Judas Priest) – gravado durante “The Politics Of Ecstasy”
07. Termination Proclamation (ao vivo em Londres em 2010) – inédita
08. Your Poison Throne (ao vivo em Londres em 2010) – inédita
09. Emptiness Unobstructed (ao vivo em Londres em 2010) – inédita
10. The Obsidian Conspiracy (ao vivo em Londres em 2010) – inédita
11. Dead Heart In A Dead World (Demo 2000) – inédita
12. We Disintegrate (Demo 2000) – inédita
13. Insignificant (Demo 2000) – inédita
14. Engines Of Hate (Instrumental Demo 2000) – inédita
15. Acoustic Instrumental (Demo 2000) – inédita

Banner Burn Artworks

Últimas notícias

SIGA O ROCKARAMA

33,630FãsCurtir
9,268SeguidoresSeguir
440SeguidoresSeguir

Leia também

Comentários

comentários